segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Ùltima tentativa de poema em 2012

Eu quero é ser feliz, mano
e pra isso, já chegaram,
no salão,
os espíritos inquietos
dos meus monstros favoritos,
em forma de palavras rotas
e fotografias circulares,
estão aqui do lado,
dançando ao som
de dubstep junto comigo
Nesta noite de ser.

2 comentários:

Gomorra disse...

'Dubstep' e meio para nós...

E faz tempo que este poema deixou de ser "tentativa": ele se reproduziu com vigor em mim agora. Muito obrigado por isso! (WPC>)

Larissa disse...

ainda bem que esclareceu: de 2012.
mas concordo com o comentário anterior, deixou de ser tentativa.
e que várias das suas tentativas deixem de ser em mim em 2013.
gosto muito delas, você sabe.